Hoje é noite de poesia, Sonia conduz a métrica, o verso que encanta e seduz a Esperança!

 

Tem Marisa rimando o seu poeta português; Denise declamando; Regina dizendo bom dia; E Vitor, sujeito oculto, tornando visível o ser.

 

Hoje é noite de poesia, Sonia conduz a métrica, o verso que encanta e seduz a Alegria!

 

Tem Fabio, com sua encantada e sensível beleza; Aramis poetizando a sua amada Lesley; Ricardo que recita em versos as Marias; E Alexandre, que no manifesto pela vida, exalta a Mitocôndria. Sem falar de Ramon, neto de Maria Luiza Grannel, a singela criação, paixão!

 

Hoje é noite de poesia, Sonia conduz a métrica, o verso que encanta e seduz o Anseio!

 

Tem Marilisa, a poetisa da hora; Beatriz e a ciência do Sentir; Claudio e a poesia de sua avó; Kristhiane e Michele, o feminino, mulher!

 

Hoje é noite de poesia, Sonia conduz a métrica, o verso que encanta e seduz a Emoção!

 

Tem as madonas Marta e Elena; E Marcelo e Lia que, fazendo uma traquinagem de criança, escrevem nas paredes do Café Vommaro: “Um homem é o que ele lê, come e bebe na vida”! Goethe. Sem falar da lembrança de Gil e sua Nega Filô! Ah, que saudade!

 

Hoje é noite de poesia, Sonia conduz a métrica, o verso que encanta e seduz o Alento!

 

Tem Juliano, Vera e Tereza; Ivan, Ângela e Claudia; Antonio, Fernanda e Edir! João, Gigi e Maria Helena; Rui, Cristina e Clara; Alan, Zuleide e Nini! Eduardo, Heloisa e Idalina! Sem falar de Cairo, Verônica e Neném! Iury, Gabriela e Marly; José, Míriam e Rosário! Francisco, Márcia e Elaine; Jorge, Flavia e Ana! Eduardo, Carmem, e Clorys! E, ainda, Manoel, Isa e Estela; Pedro, Sueli e Vanda! Igor, Margarete e Judith;

 

E Afonso e Branca e Tânia e Marcela e Belinha e diversas outras pessoas que, mesmo no âmago do anonimato, indo e vindo, compõem a emoção do Dizer Poesia no OASIS Bairro Peixoto, uma noite encantada de gente simples e bonita, que ao Sentir a poesia, se torna um verso que encanta e seduz o Amor!

 

 

 

 

 

HOJE É NOITE DE POESIA

Beatriz Breves